O Prazer de Andar

Recentemente me foi dito: ” Andar de fixa me deixava estressado, cansado e sempre tinha que andar atento”. Não é pelo fato que eu ando em uma fixa que se torna estressante, perigoso ou mesmo excluí-se qualquer prazer do ato de se andar de bicicleta. Acredito que não seja apenas no ABC, mas nas grandes cidades em geral. Andar de bike é ruím, estressante, rápido, alias muito rápido. Simplesmente  porque as bikes acompanham os carros, “acompanham as velocidades” dos automóveis. Acho que posso afirmar que não andamos de bike, mas somos conduzidos pelo fluxo dos veículos passantes.

De fixa não é diferente, e o fato da minha ser uma speed – caloi 10 adaptada – acaba fazendo que alguns trechos nas vias públicas sejam notoriamente uma péssima ideia de usar como caminho ao meu destino.

As vezes vejo os ciclistas como bactérias que precisam ser expelidas das vias. Acabamos sendo jogados pela direita, pegando a calçada, logo mais, estaremos andando nos beirais dos muros das casas. Por um outro lado, quando você deseja apenas pedalar, não tem opção a não ser poucos parques com cliclovias aqui no ABC. Porém temos que convir, são terríveis.

Analisando outros países, onde a bicicleta é mais “aceita na sociedade”, percebe-se como é gostoso e gratificante andar de bicicleta. Aqui no Brasil, mesmo as poucas leis que favorecem veículos de propulsão animal ou humana, são completamente ignoradas e desconhecidas pelos motoristas que, pela lei, deveriam saber qual a preferência em uma via.

As ofensas verbais, são transformadas em berros que suas buzinas fazem nos espasmos de loucura do motorista. A buzina expressa seus piores sentimentos para com nós, os outros das vias.

Em minha visão, não é andar de fixa que prejudica sua sanidade, mas o fato de andar em uma selva composta de animais completamente indomáveis e ignorantes ao respeito e amor ao próximo. Fica difícil explicar os benefícios da bicicleta para a atual sociedade moderna, com tamanha brutalidade no trânsito no ABC. Não é apenas pela bicicleta, mas também pela vida que precisamos recuperar o prazer de se andar.

 


Anúncios
Esta entrada foi publicada em ABC, Textos. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

2 respostas para O Prazer de Andar

  1. Pingback: Andar a Pé « Bicicletada ABC

  2. Antonio Pimentel disse:

    Embora em Portugal não haja muitas ciclovias, ao fim de semana são as centenas ,falo pela minha Cidade Coimbra , com respeito a automobilistas tem que nos respeitar com se fosse outro veiculo a motor, Rolando nas rotundas, nas saidas de estacionamentos estradas com Stop ,tem que nos dar priuridade ,em caso de acidente ou nao respeitarem a regras e form apasnhados pela Policia pode ir aos 350€ .Claro que os ciclistas tambem tem que ter respeito tambem com os Automobilistas !! boas Pedaladas—

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s